Veja as maiores curiosidades da carreira de Cristiano Ronaldo!

Crisitiano Ronaldo foi eleito o melhor jogador do século XXI, no último domingo, na premiação da Globe Soccer Awards. Esse evento é realizado pelo Conselho de Esportes de Dubai, nos Emirados Árabes.

O craque português da Juventus, superou Messi, Ronaldinho Gaúcho e Salah, na votação.Essa premiação, confirma o que já era notório: CR7 é uma lenda no século XXI. E por isso, elencamos 20 curiosidades sobre o craque.

 

1 – Seu primeiro número no Real foi o 9, não o 7

Já no Manchester United, clube em que conquistou sua primeira Champions League, empregou a “marca” CR7, pois era o dono da camisa 7 do clube inglês. Quando chegou ao Real Madrid, teve de interromper momentaneamente esta marca, pois o dono da 7 do Real Madrid na época de sua chegada era Raúl, atacante revelado pelos próprios Merengues e ídolo da torcida. Cristiano Ronaldo só conseguiu vestir a 7 em 2010, quando Raúl se aposentou.

 

2- Seu nome é uma homenagem

Seu pai decidiu chamar o filho de Ronaldo porque era fã do ator e ex-presidente dos Estados Unidos Ronald Reagan. Já “Cristiano” veio da tia que trabalhava em um orfanato.

 

3- Apelidos na infância 

Enquanto crescia, Ronaldo não tinha os apelidos mais cativantes. Ele era chamado de “chorão” e “abelha”. O primeiro era porque ele chorava muito quando não faziam o que ele queria. Já o segundo apelido, foi dado porque ele era tão rápido quanto uma abelha quando jogava futebol.

 

4- Sem tatuagens

Muitos são os jogadores que possuem o corpo tatuado. Exemplos disso, são Daniel Alves e Zlatan Ibrahimovic. Já Cristiano Ronaldo, por ser um doador ativo de sangue, prefere ter o corpo “limpo”, pois a Cruz Vermelha estipula que não se deve doar sangue pelo menos quatro meses depois de fazer uma tatuagem. Além disso, CR7 doou sua medula óssea na tentativa de ajudar o filho de seu companheiro carlos Martins.

 

5- Recebeu sua primeira proposta de trabalho aos 10 anos

Em 1995, o Marítimo ofereceu ao Andorinha, clube em que CR7 começou sua carreira, uma quantia de 270 euros, mas o garoto preferiu mudar-se para o Nacional, onde recebeu equipamentos profissionais por dois anos.

 

6- Treinamento intenso

Além de ser um grande jogador de futebol, Cristiano Ronaldo também tem um porte físico que lhe rende muita admiração tanto por parte dos fãs, quanto dos críticos. Ronaldo atribui sua forma física à rigorosa rotina de treino, e à disciplina para se ater a ele. Ele alocou várias rotinas de treino todos os dias, além de terça-feira, que é seu dia de descanso.

 

7- Sua estreia no profissional foi aos 17 anos

Estreou profissionalmente no Sporting, em partida contra o PSG em 2002.

 

8 – Seu primeiro gol foi em 7 de outubro de 2002

Marcou o segundo gol da vitória do Sporting sobre o Moreirense.

 

9 – Aos 18 anos chegou ao manchester united

Sua primeira partida no clube inglês foi no dia 16 de agosto de 2003. Logo na estreia mostrou para que veio ao realizar uma grande partida.

 

 10 – Sua primeira convocação veio 4 dias depois

No dia 20 de agosto de 2003, CR7 recebia sua primeira convocação à Seleção Portuguesa. A partida foi um amistoso contra o Cazaquistão.

 

11 – Seu primeiro hat trick foi 12 de janeiro de 2008

Em goleada do Machester United sobre o Newcastle por 6×0, CR7 anotou três gols.

 

12 – 2008, a primeira champions e o primeiro prêmio de melhor do mundo

Em 2008 por ter levado o Manchester United ao título da Champions League e por sua incrível atuação, ganhou o prêmio de Melhor Jogador do Mundo. Desde então, só ele e Messi conseguiram este prêmio.

 

13- Primeiro ganhador do Puskas

O prêmio Puskas foi criado em 2009 para recompensar o melhor do ano. Cristiano Ronaldo foi o primeiro a ganhar o cobiçado prêmio em 2009. Ele ganhou o prêmio depois de marcar um gol impressionantemente desconcertante contra o FC Porto durante as semifinais da Liga dos Campeões.

 

14 – A realização do sonho de chegar ao real veio em 2009

Em 2009 o time espanhol desbancou 96 milhões de euros para comprar o melhor jogador do mundo. Sua apresentação foi feita no dia 6 de junho no Santiago Bernabéu diante de 80 mil pessoas.

 

15- Mais um recorde quebrado

Agora, você deve estar acostumado com CR7 quebrando recordes. No entanto, há mais um que vale a pena mencionar. Quando Ronaldo se mudou para o Real Madrid, foi recebido por 80 mil torcedores no Santiago Bernabéu.
Dessa forma, ele quebrou o recorde de Diego Maradona, que em 1984 foi recebido por 75 mil torcedores.

 

Leia também nossos outros artigos sobre:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *